Lendas do Brasil inspiram ensaio conceitual da Oramais

106-foto-campanhalendas01

Por Andriolli Costa

Como fotografar o infotografável é um tema que sempre me chamou atenção. A ilustração é uma saída frequente para quem deseja dar a ver elementos do universo sensível, como é o caso dos mitos e lendas brasileiros. Na fotografia, este desafio se torna ainda mais evidente: como, afinal, capturar o imaginário?

É justamente por isso que este ensaio do projeto Oramais, criado pelo Estúdio Orabolas, na cidade de Flores da Cunha/RS, me chamou tanta atenção. Eles não buscam retratar o referente tal e qual, mas abusam de maquiagem, jogo de luz e dupla exposição para buscar a estética do fantástico.

Neste trabalho, produzido por Francisco Santos e Rodrigo Schiavenin, com maquiagem de Maurício Lopes, as lendas são representadas pelo mesmo modelo, Guillermo Mathias Tapia. É um exercício artístico interessante, embora eu dificilmente teria conseguido identificar alguns dos mitos sem ajuda. Nesta busca por representar o invisível, me parece fundamental deixar indícios da essência dos personagens fantásticos.

Me pergunto, por exemplo por que investiram mais nos braços do saci, do que nas pernas. O mesmo quanto ao curupira, a dupla exposição poderia ter oferecido resultados bem interessantes para estes elementos. E você, o que achou? Deixe seu comentário!

Acesse o ensaio completo aqui.

Saci

Curupira

Cuca

Boto

Iara

Lobisomem

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s